EDUCAÇÃO CORPORATIVA A DISTÂNCIA NA ERA DA TRANSFORMAÇÃO DIGITAL

  • Marta Maia FGV-EAESP
  • Gilmara Alvarado da Silva
Palavras-chave: educação corporativa a distância, transformação digital, aprendizagem profissional

Resumo

Este estudo tem o objetivo de verificar o quanto a transformação digital vem impactando o processo de educação corporativa a distância e impulsionando o processo de ensino e aprendizagem no ambiente de trabalho. Por meio de estudo de casos de quatro empresas, esse trabalho buscou verificar como o ambiente de aprendizagem digital e a distância está cada vez mais intrínseco no dia a dia de trabalho, transformando não somente o modelo em que as atividades são desenvolvidas, mas também como se aprende no ambiente corporativo. Uma das principais contribuições identificadas está na forma com que a área de educação corporativa ancora as suas estratégias educacionais tecnológicas alinhadas a estratégia da organização. Foi possível aferir o quanto a evolução tecnológica vem contribuindo para a evolução das ferramentas educacionais e provocando mudança nas metodologias e modelos educacionais que passa a contar com a participação mais ativa daquele que aprende.

Biografia do Autor

Gilmara Alvarado da Silva
25 anos de experiência na área de Educação e Desenvolvimento gerenciando programas para liderança corporativa, área comercial, jovens talentos (trainee e estagiários), certificações obrigatórias, cursos técnicos / comportamentais. Implementação de tecnologia para gestão de RH, com forte atuação em Gestão de Plataformas Educacionais para público interno e externo, para empresas de médio e grande porte. Recrutamento e Seleção por competências para diversos níveis da organização; Planejamento das ações de responsabilidade social e qualidade de vida para promover um ambiente de trabalho saudável e cooperar para o desenvolvimento socioeconômico. EDUCAÇÃO:  Mestrado – Gestão em TI – Fundação Getulio Vargas-EAESP – 2021; MBA – ênfase Gestão Ambiental - Fundação Getulio Vargas – 2008; Pós - EAD: Planejamento, Legislação e Implementação – PUC – 2004; Especialização – Ensino a Distância Mediado por Computador – UNICAMP – 2001; Superior em Psicologia – Universidade Paulistana – 1995.

Referências

BECKER, J. Mobile learning como suporte de uma modalidade híbrida na educação corporativa. 2019. Dissertação (Mestrado Profissional em Educação e Novas Tecnologias), Centro universitário Internacional Uninter, Curitiba, 2019.
CAMPANA, C. Desafios da inovação. GV-executivo, v. 18, n. 6, nov-dez, 2019.
CHIGONA, A. Digital fluency: necessary competence for teaching and learning in connected classrooms. African Journal of Information Systems, 10, n. 4, p. 366. 2018.
COLLIS, J.; HUSSEY, R. Business Research: A Practical Guide for Undergraduate and Postgraduate Students. 4. ed. New York: Palgrave Macmillan, 2013.
FILATRO, A.; CAVALCANTI, C. C. Metodologias inovativas na educação presencial, a distância e corporativa. São Paulo: Saraiva Educação, 2018.
FREYERMUTH J. Focus on Business Outcomes When Investing in Learning Analytics Technologies. 2020. Disponível em https://www.gartner.com/document/3979607?ref=solrSearch&refval=268654047. Acesso em: 15 out. 2020.
HONÓRIO, H.; SCORTEGAGNA, L. Invertendo a Sala de Aula: Processo para a Implementação da Metodologia Sala de Aula Invertida com elementos de Colaboração no Ensino de Matemática. Revista de Educação, Ciências e Matemática v.7 n.2 mai/ago 2017.
KATKALO, V.; MOEHRLE, M.; VOLKOV, D. From A to Z: Corporate learning for the digital world. Global Focus: The EFMD Business Magazine, v. 12, n. 3, p. 50–53, 2018.
KENSKI, V. M. Tecnologias e tempo docente. Campinas: Papirus, 2014.
LONGO, C; MURASHIMA, M. Novas fronteiras do Ensino. GV Executivo, vol.6, nº5, Set/Out, 2007.
MACHADO-DA-SILVA, F.N.; MEIRELLES, F.S.; FILENGA, D.; BRUGNOLO, M. Student Satisfaction in Virtual Learning System: Considerations Based in Information and Service Quality from Brazil’s Experience. Turkish Journal of Distance Education, p. 122-142, 2014.
MAIA, M. C. Um Caminho Aberto à Inovação. GV Executivo, v. 16, p.32-35, 2017.
MAIA, M. C.; MEIRELLES, F. S. Novas Tecnologias Aplicadas em uma Pós-graduação a Distância: O Caso GVnext. Renote. Revista Novas Tecnologias na Educação, v. 5, p. 1, 2007.
MORAN, J. Educação inovadora presencial e a distância. In: SILVA, Marco (org.). Educação online. São Paulo, Loyola, 2003.
MOSCARDINI, T.; KLEIN, A. Z. Estratégias De Educação Corporativa E Suas Relações Com Os Diferentes Níveis De Aprendizagem Organizacional. Brazilian Journal of Management / Revista de Administração da UFSM, v. 8, n. 1, p. 89–102, 2015. DOI 10.5902/198346597433.
NANINI, M. As Oportunidades de uma Nova Era na Educação Corporativa Digital. 2019. Disponível em https://www.uoledtech.com.br/blog/as-oportunidades-de-uma-nova-era-na-educacao-corporativa-digital-2/. Acesso em: 02 jun. 2020.
RIBEIRO, G. O.; NUNES, A. O.; COSTA, F. E. M.; SILVA, T. E. V. Avaliação da efetividade do ensino em cursos de educação a distância. Revista Sustinere, v. 6, n. 2, p. 222–238, 2018. DOI 10.12957/sustinere.2018.36745.
SCHLEMMER, E. MORGADO, L. C.; MOREIRA, J. A. M. Educação e Transformação Digital: o habitar do ensinar e do aprender, epistemologias reticulares e ecossistemas de inovação. Interfaces da Educação, v. 11, n. 32, p. 764-790, 2020.
WAN, Z.; COMPEAU, D.; HAGGERTY, N. The Effects of Self-Regulated Learning Processes on E-Learning Outcomes in Organizational Settings. Journal of Management Information Systems, 29, n. 1, p. 307-340, 2012.
Publicado
2022-01-20
Seção
Artigos Originais