Teoria da Distância Transacional

  • Michael G. Moore

Resumo

Este artigo foi, originalmente, publicado em inglês como um capítulo no livro "Princípios Teóricos de Educação a Dsitância", editado por D. Keegan (Londres: Routlege, 1993). Foi traduzido, com a permissão do autor, por Wilson Azevêdo e José Manual da Silva para colocar o conteúdo acessível aos leitores de língua portuguesa. Foi considerado apropriado abrir a seção de teoria deste número da nossa revista com uma discussão sobre educação a distância numa perspectiva que é diferente e e mais útil do que os conceitos normalmente encontrados na maioria das publicações e nos pronunciamentos governamentais sobre o assunto. No processo ensinoaprendizagem o conceito da "distância" - ou do seu inverso "proximidade" - pode ser mais útil, se concebido em termos de suas variáveis psicológicas e pedagógicas do que sob os fatores geográficos e tecnológicos que dominam a maior parte das discussões. A discussão aqui introduzida tem continuidade na seção "Interação" da revista. Todos os leitores estão convidados a participar.

Referências

Boyd, R. A. (1966) Psychological definition of adult education, Adult Leadership 13, November, 160-81.

_________ Apps,J.W. and Associates (1980) Redefining the Discipline of Adult Education, San Francisco: Jossey-Bass.

Dewey,J. and Bentley,A.F. (1949) Knowing and the Known, Boston: Beacon Press.

Knowles,M. (1970) The Modern Practice of Adult Education, New York: AssociationPress. Kowitz,G.T. and Smith,J.C. (1987) Three forms of instruction, Journal of Educational Technology Systems, 15(4) 419-29.

Maccia,E.S. (1971) Instruction as influence toward rule governed behavior, in R. Human (ed.), Contemporary Thought on Teaching, Englewood Cliffs, N.J.: PrenticeHall.

Moore,M. (1972) Learner Autonomy: the second dimension of independent learning, Convergence V(2), 76-88.

________ (1973) Toward a theory of independent learning and teaching, Journal of Higher Education XLIV(12), 661-79.

________ (1983) On a theory of independent study, in D. Sewart, D. Keegan and B. Holmberg (eds), Distance Education: International Perspectives, London: Croom Helm.

Rumble,G. (1986) The Planning and Management of Distance Education, New York: St Martins Press.

Publicado
2008-05-21
Edição
Seção
Artigos